gototop
FacebookTwitter

Rede Complementar

O que é a Rede Complementar?

A Rede Complementar é o conjunto de Organizações da Sociedade Civil que possui Termo de Colaboração com a SEDESTMIDH para execução de serviços socioassistenciais, da política pública de assistência social, do Sistema único de Assistência Social - SUAS.

 

Quais são os objetivos da Rede Complementar?

Prestar serviços Socioassistenciais a famílias e indivíduos em situação de vulnerabilidade social:

- Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos;

- Serviços de Acolhimento Institucional para Adultos e Famílias, Mulheres, Idosos, Crianças e Adolescentes;

- Serviço Especializado em Abordagem Social.

 

Quem pode ser atendido pela Rede Complementar?

A Rede Complementar atende ao público estabelecido pelas normativas legais para os serviços socioassistenciais:

a) Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos:

-     Crianças de 06 a 14 anos;

-     Adolescentes de 15 a 17 anos;

-     Jovens de 18 a 29 anos;

-     Adultos de 30 a 59 anos;

-     Idosos a partir de 60 anos.

 

b) Serviços de Acolhimento Institucional para Adultos e Famílias, Mulheres, Idosos, Crianças e Adolescentes:

-     Homens adultos desacompanhados;

-     Homens com deficiência, mas que possuam condições de exercer independentemente as atividades básicas da vida diária ou dependência em grau 1;

-     Grupos familiares, respeitando os arranjos familiares e vinculação de seus membros.

-     Mulheres a partir de 18 anos, desacompanhadas e em condições de exercer independentemente as atividades básicas da vida diária ou que apresentem dependência em grau 1.

-     Idosos a partir de 60 anos, desacompanhados e em condições de exercer independentemente as atividades básicas da vida diária ou que apresentem dependência em grau 1.

-     Crianças e adolescentes afastadas do convívio familiar por meio de medida protetiva de acolhimento institucional (ECA, Art. 101), aplicada exclusivamente por autoridade judiciária, em função de estarem em situação de abandono, negligência, violência, cujas famílias ou responsáveis encontrem-se impossibilitados de cumprir adequadamente sua função de cuidado e proteção.

 

  1. a)Serviço Especializado em Abordagem Social:

- Crianças, adolescentes, jovens, adultos, idosos e famílias em situação de risco pessoal e social que utilizam os espaços públicos como forma de moradia e/ou sobrevivência.

 

Como ser atendido pela Rede Complementar?

Para ser atendido no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Rede Complementar procure o Centro de Referência de Assistência Social - CRAS da região onde mora ou o Centro de Referência Especializado de Assistência Social - CREAS onde já é acompanhada, para encaminhamento e inclusão.

Para mais informações sobre as Organizações da Sociedade Civil que ofertam o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos - Clique aqui.

 

Para ser atendido nos Serviços de Acolhimento Institucional para Adultos e Famílias, Mulheres e Idosos: 

-    De segunda à sexta-feira, de 08h às 18h: o interessado deve buscar uma unidade pública de assistência social - CRAS, CREAS ou Centro Pop - mais próxima de onde se encontre no momento, para que a unidade efetive o encaminhamento para acolhimento na UNAF Areal. 

-       De segunda à sexta-feira após às 18h, finais de semana e feriados: entrar em contato com a Central de Vagas de Acolhimento, pelo telefone 3223-2656.

Para mais informações sobre as Organizações da Sociedade Civil que ofertam Serviços de Acolhimento Institucional para Adultos e Famílias, Mulheres e Idosos no DF - clique aqui 

   

 

 


VOCÊ ESTÁ AQUI: Início Assistência Social Rede Complementar